SOBRE MIM- BIOGRAFIA





Nascido a 14/08/64 em São Caetano do Sul, 
no estado de São Paulo-Brasil, 
o poeta e escritor 
Mário Amâncio de Azevedo, 
desde criança gostava de artes em geral: 
Dança, 
canto, teatro e pintura.
Teve várias profissões no decorrer da vida,
porém dedicou boa parte do seu 
tempo ao comércio,na área de gastronomia
e serviços administrativos.No campo da literatura
foi com na poesia que se encontrou e
iniciou suas primeiras linhas como escritor. 
A pedido e conselho de amigos foi reunindo
seus devaneios e inspirações poéticas,
porém na fase adulta quando estava 
prestes a lançar seu livro,
uma situação de desconforto, uma 
calunia deixa-o conturbado mentalmente;
então ele se decide mudar para o sul do país.
Boêmio convicto e romântico, transpassava
as noites em barzinho de videokê, 
casas de shows e praias de famosos.Sempre 
com seu livro em mãos ia divulgando aos brasileiros, 
Chilenos, Uruguaios,Paraguaios 
e principalmente Argentinos.
Com orgulho e humildade, 
diz o poeta ser feliz ,pois alguns 
exemplares atravessaram  o Atlântico sul. 

Hoje na internet a sua página tem grandes visitas de países como: 
EUA, Rússia,Malásia, França
Croácia, Alemanha, 
Portugal, Espanha e países latinos entre outros.
Esses  visitas o incentivaram  na carreira de escritor, 
onde se dedica uma boa parte da sua vida.
Voa...
 voa poeta há pedras no caminho,
 mas sua alma é imortal!
Em 1987  fez uma viagem ao nordeste
e conheceu de perto algumas
belas  foi 
para o Estado de Pernambuco, 
na cidade da Literatura popular
Caruaru, que é a cidade natal de seus pais, depois 
conheceu Recife e
o misterioso forte Orange, onde os 
Holandeses tomaram um dia pose da terra
e deixaram sua herança genética no
Estado.
Quando jovem e mesmo na fase adulta 
sempre foi muito apegado à família
e só um acontecimento
muito forte iria fazê-lo mudar da sua cidade natal,
pois conta que  a única vez que saiu do
estado de São Paulo  
teria sido em 1992, 
na reunião de conferência 
do meio-ambiente no Estado do Rio de Janeiro, 
onde realizou seu primeiro grande sonho que era estar ao
lado de uma cantora Inglesa radicada na Austrália
e que fez fama 
nos Estados Unidos da América e 
ganhou o mundo...Olivia Newton John.
O poeta perdendo a fobia de estar longe da segurança e 
do desconhecido,viajou várias vezes
ao Rio de Janeiro, pois lá vez amigos.

Segundo um grande artista plástico 
o Sr. Carlos Alberto de lima, 
seu primeiro livro iria
abrir portas  que nunca havia antes traspassado...
Assim aconteceu.
Chegou a receber um convite para morar em Portugal,  
na época recusou, pois achava
que ainda não era tempo certo.
No Sul do país ficou numa cidade praiana onde o mar, 
o verde da matas, o céu límpido e a alegria dos
turistas era tudo que o poeta necessitava
pra sua sensibilidade aflorar, e dali compor extensos e 
apaixonantes poemas. 
Os dois primeiros anos foi de pura boemia sem cessar... 
Depois da poesia que fazia folia em sua vida, segundo o 
compositor Peninha, 
outra arte em sua vida que dava 
suporte de sobrevivência  foi a culinária, 
e assim foi conhecendo gentes e 
mais gentes de várias
cidades do Brasil e outros países.
Após quatro anos e oito meses volta para São Paulo, 
pois é  chamado para trabalhar em uma 
casa de show na sua cidade natal.
Aceita mesmo estando antes em uma
cidade paradisíaca, pois seus pais já 
estavam de idade avançada e gostaria de ficar com eles mais um pouco. 
Seus planos, porém, era ir morar em Ouro Preto - MG
mas decidiu dar um tempo nas suas andanças.
Em São Paulo se empregou em um escritório de cobranças, 
nesta época começa a escrever seus contos e crônicas,
vindo a divulgar seu trabalho na internet.
Sendo assim, vários povos foram 
conhecendo sua poesia, contos e crônicas.